Blog

Site responsivo ou aplicativo?

Por  Giovani Sehnen
em Blog
(1 Votar)

Se você planeja estabelecer uma presença móvel para sua empresa ou organização, uma das primeiras considerações que provavelmente virá à mente é se você deseja criar um aplicativo para dispositivos móveis (app) ou um website responsivo, ou talvez ambos. Os websites e aplicativos para dispositivos móveis podem parecer muito semelhantes à primeira vista, e determinar qual deles é mais adequado às suas necessidades dependerá de vários fatores, incluindo públicos-alvo, orçamento disponível, finalidade pretendida e recursos necessários.

Qual é a diferença entre um site responsivo e um aplicativo (app)?

Antes de avaliar os benefícios de um website responsivo em comparação a um aplicativo, é importante entender as principais diferenças entre os dois. Ambos são acessados ​​em dispositivos portáteis, como smartphones (por exemplo, iPhone, Android e Blackberry) e tablets.

Um site responsivo é semelhante a qualquer outro site, pois consiste em páginas baseadas em navegador que são vinculadas e acessadas pela internet. A característica óbvia que distingue um site responsivo de um site padrão é o fato de ele ser projetado em qualquer dispositivo. 

Como qualquer website, os sites responsivos podem exibir conteúdo de texto, dados, imagens e vídeo. Eles também podem acessar recursos específicos de dispositivos móveis, como clique para ligar (para discar um número de telefone) mapeamento de localização e muito mais.

Já os app's são aplicativos reais que são baixados e instalados no seu dispositivo móvel, em vez de serem renderizados em um navegador. Os usuários visitam portais específicos de dispositivos, como a App Store e o Play Store para encontrar e fazer o download para um determinado sistema operacional. O aplicativo pode extrair conteúdo e dados da internet, de maneira semelhante a um site, ou baixar o conteúdo para que possa ser acessado sem uma conexão com a internet.

Aplicativo ou  site responsivo?

Quando se trata de decidir se deve criar um aplicativo ou um site responsivo, a escolha mais apropriada realmente depende das suas metas finais. Se você estiver desenvolvendo um jogo interativo, um aplicativo provavelmente será sua melhor opção. Mas se o seu objetivo é oferecer conteúdo compatível com dispositivos móveis para o maior público possível, um site responsivo provavelmente é o caminho a ser seguido. Em alguns casos, você pode decidir que precisa de um website responsivo e de um aplicativo para dispositivos móveis, mas é bastante seguro dizer que raramente faz sentido criar um aplicativo sem ter um website responsivo funcionando.

De modo geral, um website responsivo deve ser considerado seu primeiro passo no desenvolvimento de sua presença na web para dispositivos móveis, enquanto um aplicativo é útil para um propósito muito específico que não pode ser efetivamente realizado por meio de um navegador web.

Vantagens de um site responsivos vs. aplicativos

Se suas metas estão relacionadas principalmente a comunicações de marketing, um website responsivo quase sempre fará sentido como um primeiro passo prático em sua estratégia de alcance para dispositivos móveis. Isso ocorre porque tem várias vantagens inerentes aos aplicativos, incluindo maior acessibilidade, compatibilidade e custo-benefício.

Imediato -  estão disponíveis instantaneamente
É instantaneamente acessível aos usuários por meio de um navegador em vários dispositivos. Os aplicativos, por outro lado, exigem que o usuário primeiro baixe e instale o aplicativo  antes que o conteúdo ou o aplicativo possa ser visualizado - uma barreira significativa entre o envolvimento inicial e a ação / conversão.

Compatibilidade - são compatíveis entre dispositivos
Pode alcançar usuários em vários tipos diferentes de dispositivos móveis, enquanto os aplicativos nativos exigem uma versão separada a ser desenvolvida para cada tipo de dispositivo. Além disso, URL's de sites responsivos são facilmente integrados a outras tecnologias móveis, como SMS, QR Codes e etc.

Capacidade de atualização - podem ser atualizados facilmente
É muito mais dinâmico do que um aplicativo em termos de flexibilidade para atualizar o conteúdo. Se você quiser alterar o design ou o conteúdo de um website responsivo, basta efetuar a edição uma vez e as alterações ficarão imediatamente visíveis. A atualização de um aplicativo, por outro lado, exige que as atualizações sejam enviadas aos usuários, que devem ser baixadas para atualizar o aplicativo em cada tipo de dispositivo.

Mais fácil de encontrar - podem ser encontrados facilmente
São muito mais fáceis de serem encontrados pelos usuários, pois suas páginas podem ser exibidas nos resultados de pesquisa e listadas em diretórios específicos do setor, facilitando a localização de visitantes qualificados. Por outro lado, a visibilidade dos aplicativos é restrita em grande parte às lojas de aplicativos dos fabricantes.

Capacidade de compartilhamento - podem ser compartilhados facilmente pelos editores e entre os usuários
As URL's dos sites responsivos são facilmente compartilhados entre os usuários por meio de um link simples (por exemplo, em um e-mail ou mensagem de texto, redes sociais). Um aplicativo simplesmente não pode ser compartilhado dessa maneira.

Alcance - têm alcance mais amplo
Devido a ser acessível em várias plataformas e pode ser facilmente compartilhado entre usuários, bem como em mecanismos de pesquisa, ele tem uma capacidade de alcance muito maior do que um aplicativo.

Tempo e custo -  são mais fáceis e menos caros 
Por último, mas certamente não menos importante, o desenvolvimento de sites responsivos é consideravelmente mais rápido e econômico do que o desenvolvimento de um aplicativo, especialmente se você precisar de presença em diferentes plataformas.

Suporte e Manutenção
As considerações de investimento do app vs website não terminam com o lançamento inicial; o suporte e a manutenção adequados de um aplicativo (atualizações, testes, problemas de compatibilidade e desenvolvimento contínuo) é muito mais caro e complicado do que suportar um site ao longo do tempo.

Quando um aplicativo faz sentido?

Apesar dos muitos benefícios inerentes do websites responsivos, os aplicativos ainda são muito populares e há vários cenários de uso específicos em que um aplicativo será sua melhor opção. De um modo geral, se você precisar de uma das seguintes opções, um aplicativo faz sentido:

Interatividade / jogos - para jogos interativos (pense em Angry Birds), um aplicativo quase sempre será sua melhor escolha, pelo menos no futuro previsível.

Uso regular / Personalização - Se os usuários-alvo usarem seu aplicativo de maneira personalizada regularmente (pense no EverNote), um aplicativo é uma ótima maneira de fazer isso.

Cálculos complexos ou relatórios - Se você precisar de algo que leve dados e permita manipulá-los com cálculos, gráficos ou relatórios complexos (pense em transações bancárias ou investimentos), um aplicativo ajudará você a fazer isso de maneira muito eficaz. Funcionalidade nativa ou processamento obrigatório - os navegadores para dispositivos móveis estão ficando cada vez mais eficientes no acesso a determinadas funções específicas para celular, como clique para ligar, SMS e GPS. No entanto, se você precisar acessar a câmera ou o poder de processamento de um usuário, um aplicativo ainda fará isso com muito mais eficiência. Sem conexão Obrigatório - Se você precisar fornecer acesso off-line a conteúdo ou executar funções sem uma conexão de rede, um aplicativo faz sentido.

Como em qualquer projeto, ao desenvolver um aplicativo, você quer garantir que você obtenha um ótimo retorno do seu investimento. O que você quer evitar a todo custo é o exercício desnecessário e caro de construir um aplicativo para fazer algo básico que pode ser alcançado com um site móvel.

Em conclusão

Se os seus objetivos para dispositivos móveis são principalmente para o marketing ou se o objetivo é fornecer conteúdo e estabelecer uma presença móvel ampla que possa ser facilmente mantida, compartilhada entre usuários e encontrada nos mecanismos de pesquisa, o site responsivo é a escolha lógica.

Por outro lado, se seu objetivo é fornecer uma experiência do usuário que se pareça mais com uma interface de jogos ou um programa de computador do que com um site, ou se você precisar acessar as funções nativas e armazenamento de telefone de um usuário, provavelmente um aplicativo é necessário.

No final, é tudo sobre a escolha da ferramenta certa para o trabalho.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Newsletter

Atendimento

relacionamento@centerdesigner.com
(47) 3285-2257
Seg. a Sex. das 08:30 às 12:00 - 13:30 às 17:00